Ap Search

OOOOOOKKAAAAAAAAYYYYYY...procurar apartamentos é uma boa m****!!!
Toda a gente tem algo a dizer sobre uma decisão que não lhe diz, de todo, respeito (qual é a novidade aqui, certo?). Tenho gente de todos os lados a perguntar "onde fica?", "o que tém à volta?", "quanto tempo demoras a chegar à faculdade?", "já tiraste a carta de condução?"...P*** QUE O P****, CHEEEEEEEEEEEEEEGAAAAAAA!!!!!
Meus caros, informação rápida para quem ainda não sabe: quem decide sou eu e os meus pais, mais ninguém! Aquilo que eu quero (e preciso) num apartamento não vos diz respeito. Aquilo que eu tenho de fazer antes de me mudar também não...agradeço todos os conselhos, mas as ordens, perguntas retóricas e demais juízos de valor, bem...sei onde os podem enfiar!
Eu já tenho uma noção (demasiado) boa do que tenho de procurar num potencial apartamento universitário (graças às múltiplas conversas que eu já tive - melhor dizendo, que já tiveram comigo - sobre o assunto). Eu já não me prendo com o "o que é que eu necessito?"...o problema aqui é "o que eu necessito existe?". Após alguns meses de passiva pesquisa deparei-me com um apartamento cheio de potencial (de um membro da família) mas que, entre um autocarro, duas linhas de metro e alguns minutos a pé, ficava a três quartos de hora do raio da faculdade, e um outro (de um amigo de uma prima da irmã do cunhado da...) que, apesar de mais próximo e aparentar ser perfeito, fica numa zona meio perigosa (coisa que descobri mesmo antes de assinar o contrato, por terceiros).
Conclusão, sejam familiares ou desconhecidos, não se pode confiar em ninguém. Cada pessoa olha aos seus interesses, e a estes apenas. Não interessa se mentem ou manipulam, estes vão recorrer a todas as suas armas de persuasão para se assegurarem de que o seu lado é favorecido. É triste, mas parece ser verdade...que raio de mundo é este?!

Comentários

Mensagens populares